16 de novembro de 2012

Cresce confiança do comerciante paulistano

É o que informa levantamento da FecomercioSP, mesmo com a maioria dos indicadores econômicos do País em queda. O índice que mensura a confiança do empresário subiu 3% em outubro, na comparação com setembro. A pesquisa mostra também que 78,6% dos entrevistados disseram que pretendem contratar funcionários.

A proximidade do final do ano, época em que tradicionalmente as vendas no varejo crescem, é responsável pela previsão de contratações por parte dos empresários, diz Fabio Pina, assessor econômico da entidade.

"Emprego e renda garantidos estão impulsionando o índice. Com mais dinheiro, o consumidor fica confiante, e o empresário do varejo também", acrescenta.

O otimismo registrado em outubro foi maior entre as companhias com mais de 50 empregados, onde a alta do índice de confiança ficou em 8,9%. Nas empresas menores, a expansão foi de 2,9%.

A maioria dos empresários (46%) disse, ainda, que a situação brasileira melhorou em outubro, enquanto 29,6% afirmaram que piorou um pouco e 24,5% disseram que houve grande deterioração no cenário econômico. Em relação ao futuro, 86,8% dos entrevistados acreditam que a economia brasileira irá crescer.

Fonte: Folha de S. Paulo
Reações:

0 Participações: