27 de fevereiro de 2012

Facebook divulgou hoje os vencedores da primeira edição do Studio Awards





O Facebook divulgou hoje os vencedores da primeira edição do Studio Awards, prêmio mundial que reconhece as principais campanhas de marketing baseadas em conexões sociais.

Entraram na lista 11 campanhas, de 10 agências, representando 7 países. Os prêmios foram distribuídos em quatro categorias: azul, ouro, prata e bronze.

Na principal categoria, a azul, a vencedora foi a American Express, dos Estados Unidos, com uma campanha para incentivar o comércio em cerca de 500 mil pequenos estabelecimentos comerciais. A estratégia gerou 2,7 milhões de fãs, que clicaram no botão "Curtir".

A ação da Nike sobre a Corrida Rio-SP, de outubro de 2011, foi a única da América Latina a ser reconhecida. Produzida pela agência LiveAd, a ação foi premiada na categoria bronze, ao lado de campanhas de países como Estados Unidos e Austrália.

Em parceria com a agência, a Nike usou a tecnologia RFID (sigla em inglês para identificação por rádio-freqüência) numa câmera que registrava a passagem do atleta em um tapete. Imediatamente a foto era postada em seu perfil no Facebook.

Em apenas três dias, a página "Nike Corre" no Facebook teve um aproximadamente 20 mil novos fãs. Todo o conteúdo sobre a corrida foi curtido mais de 20 mil vezes e obteve 600 compartilhamentos. Ao todo, a página recebeu  4,7 mil comentários.

Para a escolha das campanhas vencedoras, o Facebook considerou o impacto social da ação, o tipo de interação com o público, o uso dos produtos de marketing do Facebook, integração com outras mídias e a escala para compartilhar conteúdo.

O Facebook Studio Awards é uma forma de influenciar as agências como fonte de inspiração, nova forma de compartilhar ideias, principalmente entre os produtos do Facebook, e promover o engajamento de forma social”, segundo Jennifer Kattula, gerente de marketing do Facebook.

Desde a abertura das inscrições, em outubro, mais de mil candidatos submeteram seus trabalhos.

Entre os temas das campanhas vencedoras estiveram democratização da filantropia, aproximação dos mundos online e offline por meio do uso da tecnologia RFID para publicação de posts, uso de dados para visualização e engajamento via páginas e publicações.

Entre os jurados para o prêmio estiveram Mark D'Arcy, do Facebook, e integrantes de grandes agências, como David Sable, da Y&R, Susan Credle, da Leo Burnett; Stephen Goldblatt, da EVB. Também participaram Jeff Benjamin, da JWT e Nick Law, da R/GA.

Todos os vencedores podem ser vistos no Facebook Studio.


Fonte: Exame
Reações:

0 Participações: