15 de agosto de 2012

Grendene é multada devido a anúncios abusivos

Foto: Divulgação

A Grendene foi multada em R$ 3.192.300,00 pelo Procon por campanhas publicitárias abusivas dirigidas a crianças. A decisão, em 1ª instância, é resultado de uma denúncia feita pelo Instituto Alana em dezembro de 2009. De acordo com o Procon, a fabricante de calçados recorreu da decisão.

Procurada, a Grendene afirmou que não comentaria o caso.

As propagandas foram veiculados na TV em 2009 em meio à programação infantil, e eram protagonizadas por crianças. Mostrando personagens e brinquedos do universo infantil, os anúncios promoviam a venda desses produtos.

Segundo o Instituto Alana, no caso das linhas femininas Barbie Coleção Norte e Nordeste e Barbie Coleção Sul e Sudeste, Moranguinho Morangomix e Hello Kitty Fashion Time, as publicidades estimulavam comportamentos adultos.

Já as peças que promoviam as linhas de produtos masculinos misturavam situações cotidianas com fantasia, o que, segundo a entidade, podia confundir as crianças. Os comerciais das linhas Ben 10 Galaxy, Guga K Power Games, Power Rangers Action e Ben 10 hipervalorizavam a importância da imagem pessoal como valor, afirmou o Instituto.

Outro ponto protestado foi a suposta promoção de venda casada de sapatos e sandálias com brindes.

"Essa decisão não é definitiva, já que a Grendene apresentou um recurso e o processo ainda está em andamento", explicou Márcio Marcucci, diretor de fiscalização de Procon.

Caso seja condenada em 2ª instância, a marca tem um prazo de 30 dias para fazer o pagamento.

Fonte: Exame
Reações:

0 Participações: